MUNDO

Hillary Clinton assegura delegados necessários para sua nomeação, diz agência



A pré-candidata do Partido Democrata para a corrida presidencial dos Estados Unidos, Hillary Clinton, assegurou os delegados necessários para sua nomeação, de acordo com um cálculo da Associated Press. Ela atravessou um limiar histórico com a campanha na Califórnia.

Clinton, que precisava de 23 delegados para conquistar os 2.383 necessários para a sua vitória após as primárias de Porto Rico, recebeu promessas de mais delegados nesta segunda-feira (6). A poucas horas das disputas de terça-feira (7) na Califórnia e mais cinco Estados, a ex-secretária de Estado emergiu como candidata presuntiva do seu partido e a primeira mulher a disputar a corrida presidencial norte-americana.

Esperava-se que Hillary conquistasse os delegados necessários para garantir sua vitória nesta terça-feira, mas uma demonstração de apoio de última hora por parte de superdelegados teria dado a vitória com um dia de antecedência.

"De acordo com as notícias, estamos à beira de um momento histórico sem precedentes, mas ainda temos trabalho a fazer, não temos?".

A campanha do rival de Hillary, Bernie Sanders, rejeitou a afirmação de que a adversária é a candidata presuntiva, observando que o total de delegados inclui superdelegados, que podem mudar de opinião antes da convenção democrata em julho.

"É lamentável que a mídia, em um julgamento apressado, esteja ignorando o comunicado claro do Comitê Nacional Democrata de que é errado contar os votos dos superdelegados antes do voto na convenção", disse Michael Briggs, porta-voz de Sanders.

Autor: Redação Ferreguion

Tecnologia do Blogger.