BRASIL

Eduardo Cunha é hostilizado durante votação no Rio de Janeiro



Neste domingo (2), a presença do deputado cassado Eduardo Cunha dividiu manifestações de quem estava presente no  Colégio Santa Mônica, na Barra da Tijuca, região oeste na capital fluminense, por volta das 9h.

Acompanhando de sua filha Camila Dytz Cunha,  ele ficou por volta de 10 minutos no local e não revelou seu candidato a prefeito, mas disse que não votou em quem apoiou sua cassação. Porém, declarou seu voto a vereador, Chiquinho Brazão do PMDB, publicando a informação em sua na redes social.

Autor: Redação Ferreguion

Tecnologia do Blogger.